Nasce uma estrela |Testes de representação e representatividade

Começamos aqui, com Nasce uma estrela, a análise dos oito longas-metragens indicados ao prêmio de Melhor Filme no Oscar 2019, a partir de testes de representação e representatividade das mulheres nas obras.

Nasce uma estrela, dirigido por Bradley Cooper, recebeu nove indicações na 91ª premiação do Oscar. As indicações do filme são: Roteiro Adaptado, Fotografia, Design de Produção (antiga direção de arte), Mixagem de Som, Melhor Ator Principal (Bradley Cooper, como Jackson Maine), Melhor Ator Coadjuvante (Sam Elliott, como Bobby). Além dessas, apresenta três indicações que contam com presença de mulheres: Melhor atriz principal (Lady Gaga, como Ally); Canção Original (Shallow, de Lady Gaga) e Melhor Filme (Lynette Howell Taylor, produtora do longa).

Sinopse geral do filme

De acordo com a percepção do Arte Aberta evitando spoilers

Ally (Lady Gaga) trabalha como garçonete e canta nas horas vagas em um bar de Drag Queens. Jackson Maine (Bradley Cooper) é um famoso cantor americano em decadência, alcoólatra e solitário. Após um de seus shows, a procura de um bar, Jackson entra no local em que Ally se apresenta e fica encantado por seu talento.

A ótica das mulheres

A história apresenta somente Ally como personagem feminina. Ela é cercada pelo pai (Lorenzo) e seus amigos, companheiros de trabalho de uma empresa de motoristas de celebridades, pelo amigo de trabalho Ramon, e, então, por Jackson Maine, o famoso cantor.

Na primeira cena do filme, Ally está no telefone brigando com seu namorado, indicando que não deseja seguir com o romance devido ao fato dele não aceitar suas condições. Ally é uma mulher independente, que mantém a ordem na casa e impõe os seus desejos. Ela, porém, não tem confiança no seu talento musical e é insegura em relação à sua aparência.   

Representatividade feminina na ficha técnica

Direção, Roteiro, Produção, Produção executiva, Direção de fotografia, Direção de arte, Figurino, Trilha sonora, Edição de som, Mixagem de som, Edição, Efeitos especiais e Maquiagem.

A ficha técnica analisada possui 30,77% de representatividade. As únicas funções realizadas exclusivamente por mulheres são: Maquiagem, com Ve Neil, e Trilha Sonora com Julia Michels e Julianne Jordan.


Julia Michels e Julianne Jordan responsáveis pela Trilha Sonora do filme

Representatividade feminina no elenco principal

Créditos iniciais/finais

Dos créditos finais somente 14,29% são de mulheres.


Lady Gaga é a primeira mulher a acumular indicações de Melhor Atriz Principal e Melhor Canção Original por um mesmo filme

Bechdel-Wallace

As mulheres têm nome? Se falam? É sobre homem?

Aprovado. O filme passa “de raspão” no Bechdel, por um breve diálogo entre Ally  e Gail, da equipe de Jackson Maine, que lhe dá instruções. No portal de discussão coletiva deste teste, há um debate sobre a personagem Gail que, apesar de ter nome, não tem uma narrativa própria e, assim, não passaria em uma análise mais crítica. De toda forma, respeitamos o conceito básico do teste e, mesmo sendo neste breve momento, consideramos a obra aprovada.

Mako-Mori

Tem mulher? Tem arco dramático? É apoiado no arco do homem?

Reprovado. Apesar de Ally possuir arco dramático, o fio condutor da história é o quanto Jackson Maine transforma sua vida, por ser completamente apoiado no arco dele narrativo, não passa no teste.

Tauriel

Tem mulher? Ela só está na trama para ser par romântico/possui competência em algo?

Aprovado. Ally é o par romântico de Jackson, mas não está na história somente com esse objetivo, ela tem talento e personalidade.

Barnett

Tanto homens quanto mulheres falam entre si só sobre o sexo oposto? Os personagens masculinos têm comportamento atrelado à violência que trate como humor/falta de seriedade/normal/aceitável/como se alguém merecesse a violência?

Reprovado. Em relação à primeira pergunta, há diversos diálogos entre os personagens masculinos que não são sobre o sexo oposto, e poucos diálogos entre as personagens femininas, mas apesar disso ele passa nessa primeira pergunta. O filme é reprovado mais especificamente no segundo questionamento, que trata da violência. Há uma cena de violência atrelada ao sexo masculino, entre os irmãos Bobby e Jack, que é tratado como se merecessem a violência, fazendo que o filme reprove neste teste.


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s