Carta para Júlia | Livro Tá todo mundo mal, de Jout Jout | #CartasParaElas

Querida Júlia, (e assim que escrevo o vocativo já me sinto louca e falsa! Quem é Júlia? Não conheço Júlia. Escrevo, gente, para a Jout Jout. A personagem youtuber da Júlia – que é uma pessoa real que eu não conheço e não escreveria uma carta). É que depois que li sobre suas crises (no livro Tá todo mundo mal – o livro das crises), … Continue reading Carta para Júlia | Livro Tá todo mundo mal, de Jout Jout | #CartasParaElas

Carta para Shonda Rhimes | #CartasParaElas

Querida Shonda, Voltei a assistir a Grey’s Anatomy. Décima quarta temporada. Fico lá, dias imersa, a cada hora livre, vivendo o meu momento, acompanhando aquelas personagens – as que não morreram ou não nos deixaram, né, Shonda? Tenho esse movimento de idas e vindas com Grey’s, desde que minha cunhada me indicou mais uma “série de médicos”. Quando começo, não consigo parar (é o tal … Continue reading Carta para Shonda Rhimes | #CartasParaElas

Música para empoderar| #Playlist

Acompanhe a nossa playlist Música para Empoderar, com clipes que ressaltam as forças, as vidas e as histórias das mulheres. É uma lista bastante plural! A lista está em constante construção, sem periodização certa. Afinal, há sempre a possibilidade de encontrar uma música/clipe/cantora que converse com nossas questões, que nos levante, que nos faça continuar a existir com amor neste mundo – ou que aponte … Continue reading Música para empoderar| #Playlist

Ditadura por elas: 10 filmes dirigidos por mulheres sobre a ditadura no Brasil | #EleNão

Para que os erros da história não se repitam, é preciso conhecê-los e lembrá-los para quem (finge que) esqueceu. Há dois anos, o Brasil vivia o seu segundo impedimento presidencial em apenas 33 anos pós-ditadura militar (1964-1985). Sintoma da fragilidade de nossa democracia. E agora estamos diante de uma corrida presidencial que coloca ainda mais em risco o nosso sistema de governo – e mais, … Continue reading Ditadura por elas: 10 filmes dirigidos por mulheres sobre a ditadura no Brasil | #EleNão

Três clipes para parar tudo e assistir agora | Listas | #MúsicaParaEmpoderar

Três mulheres poderosíssimas da nova música brasileira. Vozes potentes e músicas necessárias, carregadas de empoderamento feminino e valorização da cultura negra. Os videoclipes fortalecem a mensagem. São como curtas-metragens de cada história. Narrativas de afetividade, ancestralidade, diversidade, liberdade e empoderamento. Em tempos nos quais enfrentamos uma reverberação de preconceitos, respondemos com arte, nas vozes dessas mulheres negras. Mesmo com dor no peito, apostamos na diversidade, … Continue reading Três clipes para parar tudo e assistir agora | Listas | #MúsicaParaEmpoderar

Carta para Glorinha | Separações | #CartasParaElas

Glorinha, Depois de tantos pedidos de folga de Cabral, é você quem se encanta pela liberdade, pelo sonho de poder fazer as coisas de que realmente gosta e, enfim, conseguir entender-se profissionalmente sem trabalhar apenas com o marido. É você, Glorinha, que vive mais uma paixão intensa ao ponto de ter seu coração partido ao ter que aprender a se despedir de um amor para … Continue reading Carta para Glorinha | Separações | #CartasParaElas

A cidade onde envelheço | Crítica

Intimidade em close up no filme A cidade onde envelheço A cidade onde envelheço (2016), de Marília Rocha, é um mergulho nas possibilidades de um “cinema de intimidade”1 – intimidade como gênero cinematográfico. A história narra as escolhas de Francisca (Francisca Manuel) e Teresa (Elizabete Francisca) entre chegadas e partidas em uma cidade que não é a de origem de nenhuma dessas duas lisboetas vivendo … Continue reading A cidade onde envelheço | Crítica

Carta para Moana | #CartasParaElas

Moana, Tenho sentido uns medos incontroláveis, irracionais, como os medos são. Na semana passada, pegando um voo de volta para casa, fechei os meus olhos e, para me acalmar, visualizei você, uma menina, no topo da montanha, fazendo o mar se partir em dois, encarando Te Ka com coragem e bondade, conseguindo encontrar no monstro de pedras e lavas a deusa da vida e da … Continue reading Carta para Moana | #CartasParaElas

O caso do homem errado é o segundo longa exibido comercialmente dirigido por uma mulher negra no Brasil

Mais um filme brasileiro entra em cartaz em sala de cinema. O fato que deveria ser simples é histórico, um marco. O caso do homem errado, dirigido por Camila de Moraes e produzido por Mariani Ferreira, quebra uma lacuna de 34 anos ao colocar um filme dirigido exclusivamente por uma mulher negra no circuito comercial. Antes de Camila, Adélia Sampaio lançava, em 1984, o filme … Continue reading O caso do homem errado é o segundo longa exibido comercialmente dirigido por uma mulher negra no Brasil

Jessica Jones: traumas tóxicos e machismo explícito| #MulheresEmSérie

Imagine uma mulher com superpoderes, com uma força extraordinária, pulos inimagináveis e uma rápida cicatrização. Pensei em ser esta mulher em um mundo em que há – em nós – um medo da violência machista; verbal e física. Com esses poderes, viveríamos mais livres? Poderíamos sair nas ruas, à noite, sem olhar para trás ou para a próxima esquina, verificando se estamos seguras? Acredito que … Continue reading Jessica Jones: traumas tóxicos e machismo explícito| #MulheresEmSérie